Entenda porque você não deve votar em branco ou nulo no dia 28

É muito importante não se abster nestas eleições de 2018 para contribuir com a defesa da democracia e direitos do povo
 

Você sabe o que são votos nulos e brancos? Muita gente acredita que, ao anular o voto ou apertar a tecla “branco” na urna eletrônica, está contribuindo para a invalidação das eleições. Mas não é isso que acontece.  Esses votos não são contabilizados e mesmo que sejam maioria, a contagem é feita apenas pelos válidos e o candidato com maior porcentagem vence.

O futuro do país está em jogo mais do que nunca nas eleições de 2018. O Brasil está diante de um episódio que pode mudar tudo o que já foi conquistado até o momento, direitos trabalhistas e sociais estão correndo perigo de extinção. Se de um lado está um candidato que acredita no povo e quer retomar a democracia e desfazer os retrocessos implantados pelo golpe de 2016, do outro tem um concorrente que baseia seu programa de governo em um período sombrio que deixou consequências perversas: a Ditadura Militar.

Mais do que nunca é necessário escolher um lado. Embora os votos brancos e nulos não vão para nenhum candidato, escolher uma dessas duas opções de abstenção de voto é perigoso. É o momento de lutar pela garantia da democracia, da equidade e dos direitos.

Fernando Haddad acredita e coloca seu plano de governo em defesa do povo e principalmente das minorias, para que a igualdade seja respeitada e garantida. Se abster do direito de voto é contribuir para que Bolsonaro legitime seus discursos de ódio e leve a frente um programa que só prejudica o país e a população.

Entenda a diferença entre esses votos e reflita sobre a importância de escolher um candidato diante do atual cenário eleitoral.

Votos brancos

Para votar em branco é só apertar a tecla branca na urna eletrônica, ele não será computado para nenhum candidato, porém quando o eleitor faz a escolha por esse voto está dizendo que abre mão do seu direito de contribuir na decisão para o futuro do país e concorda com qualquer candidato que a maioria da população escolher.

Votos nulos

O voto nulo, assim como o branco, não vai para nenhum concorrente. Ele acontece quando o eleitor digita um número que não equivale a nenhum partido ou candidato e em seguida aperta o botão verde de confirma. O que o votante precisa ter em mente é que quando utiliza desse voto está anulando seu direito de contribuição para uma das decisões mais importantes para o Brasil e sendo conivente com a possibilidade de que, um candidato que coloca em risco a democracia, vença.

Analise as propostas dos candidatos, veja qual contribui mais para os direitos da população e no dia 28 de outubro vote consciente.

Da Redação da Agência PT de Notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *